Os três ratinhos...

Podia muito bem ser uma qualquer história para crianças mas não é! Pode ser uma história mas de três homens perdidos em si mesmos e à espera de se encontrarem em alguém porque ainda não o conseguiram fazer por eles e sem ajuda.
Acho que dão um novo significado à maneira de estar com os outros… identifico-me com eles porque também eu já fui assim.
São educados, simpáticos, inteligentes, bons amigos, divertidos mas no que toca a tratar da vida deles, cada um por si entenda-se, têm sido um desastre!
Sim…um desastre… pensam e repensam sabe deus em quê pois nada do que pensam lhes tem sido útil.
Ontem fomos jantar os 4…os três ratinhos…e eu…que não sei bem que bicho serei para a história fazer sentido! Depois se vê! Pelo menos para já não me chamaram coisa nenhuma…sim, porque já é mau chamarem-se ratinhos…mas fizeram-no com tanto orgulho que dá gosto ouvir!
Ligaram-me para eu aparecer pois juntaram-se os três e acharam que eu devia estar presente.Fui… fui por eles e por mim que já lhes ía sentindo a falta… Acabou por ser um jantar de sempre… rimos e fizemos rir, jantámos bem e conversámos… tentei entender cada um deles na sua maneira de se apresentar, é curioso… como sendo tão diferentes, juntos até fazemos algum sentido.Primeiro achei que precisavam mesmo de mim porque até eles acharam… mas com o passar do tempo, senti que não precisam de mim…gostam de estar comigo e a minha presença dá-lhes algum conforto mas acho que já não precisam de mim. Os meus três ratinhos, homens feitos, já estão crescidos e ainda não sabem, mas ontem senti… o ratinho azul amadureceu mais depressa por força das circunstâncias, o ratinho verde e o encarnado, por não terem circunstâncias, ainda estão um passo atrás, mas no bom caminho… há um par de anos, só conseguiam sair das embrulhadas depois de eu os fazer sair…agora, não dão bem por isso, mas já só precisam de mim para me contar que já sairam e como o fizeram…
Lindos ratinhos….
publicado por Viver Alentejo às 13:01 | comentar | favorito